Como escolher a babá ideal

ONDE PROCURAR?

As vias mais comuns vão desde anunciar em jornais, pedir ao porteiro, até empresas de colocação de pessoal.

Empresas de colocação : se você está buscando segurança fique com essa opção, porém, verifique se é uma empresa idônea, há quanto tempo está no mercado, se possui rigoroso teste de seleção e quais benefícios ela oferece.

Afinal você vai contratar alguém para ficar na sua casa, com seu filho: patrimônios mais importantes de sua vida.

NA ENTREVISTA:

Agende horários em que possa fazer as entrevistas com calma.

1. Não abra mão de dois recursos:
a. Sua intuição, se preferir, seu “feeling”
b. Dados concretos: documentação, referências, tempo de serviço, etc

2. Em primeiro lugar, uma Babá deve gostar de crianças. Você deve observar os sinais como: ela sorri quando fala de crianças, fala com carinho, de que forma fala das crianças que já cuidou.

3. Babás devem ser bem humoradas, afetuosas, seguras, responsáveis, pacientes. Observe se ela demonstra estas qualidades.

4. Recolha o maior número de referências e verifique você mesma, uma a uma. Mesmo que a agência já o tenha feito. Isso vai gerar maior confiança em relação à Babá.

PESQUISE:

• Um pouco do histórico familiar, suas relações familiares, com quem mora,
• o que gosta de fazer nas folgas, se toma medicamentos, faz algum tratamento,
• Avalie o conhecimento dela, por exemplo, perguntando como ela faria em determinada situação, que alimentos sabe preparar, etc.;
• Questione o relacionamento da babá com as crianças que já cuidou, do que elas gostavam, que atividades fazia com elas.

6. Observar o cuidado pessoal da candidata. Uma babá deve ser asseada.

7. Descartar as que fumam, façam uso de álcool ou medicamentos continuados
8. Se você tem filhos em fase escolar é necessário que a Babá tenha uma escolaridade compatível.

9. Pergunte sobre os serviços que ela sabe executar e avalie a coerência com que ela explicar como o faz.

10. Babás excessivamente jovens tendem a ser mais negligentes com as crianças, portanto, se você trabalha fora, não são recomendáveis. Prefira pessoas mais experientes e responsáveis, com normas, condutas e horários.

11. Evite dar folgas quinzenais, estas ficam estressadas e o prejudicado é seu filho.

12. Anote todas as atividades que a babá deverá cumprir, acertadas na entrevista, inclusive horário de trabalho, folgas, para evitar desentendimento posterior

E, principalmente, perceba a empatia, os sentimentos que esta candidata provoca em você. Tente perceber afetividade, gestos, segurança, enfim, comportamento.
Se perceber mal humor, levianismo, rancor, agressividade… DESCARTE.

Se a entrevista foi favorável e ela foi indicada por uma empresa de sua confiança, converse sobre a rotina da sua casa e o sistema que você adota, decida com ela uma forma para esclarecer seu gosto, horário das tarefas, para que esta adaptação seja tranqüila. Relate todo trabalho que terá que realizar.

Empresas tem profissionais que fazem a análise dos documentos (hoje há muita sofisticação na falsificação de registros, endereço, referências) , verificam referências, fazem avaliação psicológica e mantém um dossiê da candidata.

NO PERÍODO DE ADAPTAÇÃO:

• É um período que você deve acompanhar todo o trabalho da Babá, observando-a ou checando o que foi feito durante os primeiros dias. É um período que a Babá necessita muito da sua orientação. Mãe, criança e babá estão no período de adaptação. É um importante que as três estejam sempre em sintonia. Simplesmente deixar a criança com a babá, pode gerar na criança ansiedade, angústia, medo, pois ela não tem a mãe perto e está com uma estranha, de uma hora para outra.

• Exija sempre o uniforme. Ajuda a Babá sentir-se profissional, evitando assim que desvirtue do seu papel.

• Se seu horário não for compatível com o dela, utilize o sistema de bilhetinhos; é importante que mãe e babá mantenham sempre um canal de comunicação. Você quer (e precisa) saber tudo o que acontece com seu filho.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>